Só se esqueceram do violador (errata)

[correcção do post anterior]

Afinal parece que a menina esteve de fora dos excomungados. Comecei a estranhar poucas referências à excomunhão da menina, e segundo O Globo/BBC Brasil:

O Brasil só permite abortos em caso de estupro ou riscos para a mãe. Os médicos disseram que o caso da menina de nove anos se enquadrava nas duas situações, mas o arcebispo de Olinda e Recife, José Carlos Sobrinho disse que a lei de Deus está acima de qualquer lei humana.

Ele disse que as excomunhões se aplicariam à mãe e aos médicos, mas não à menina por causa da idade dela. (ref)

Devia ter confirmado isto antes de publicar, mas confiei na TSF:

Vários políticos, entre os quais o presidente Lula da Silva, criticaram o arcebispo do Recife por ter decidido excomungar uma menina de nove anos, forçada a abortar depois de ter sido violada pelo padrasto, bem como toda a equipa médica responsável pela interrupção da gravidez. (ref)

Parece que a idade poupou a criança à excomunhão. Mantenho as críticas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s