Velhas tragédias, novas farsas

(…) é bom recordar que no século XIX se teve de resolver a questão da ligação por comboio de Portugal à Europa, passando por Espanha, tal como hoje se põe para as redes ferroviárias de alta velocidade.
(…) já se estava numa fase de desencanto, longe das expectativas iniciais, de por via de uma política de obras públicas destinadas a “desencravar” o país e aproximar regiões se alcançar uma solução global para os reais problemas de desenvolvimento e de atraso de que Portugal padecia. (…) foram importantes, mas não eram a solução mágica para a resolução dos problemas com que o país se defrontava.
(…) sublinhava-se que o “encargo que o Estado assumia” tinha como importante compensação o acréscimo de movimento que a ligação a Salamanca traria para a linha do Douro e os “elementos de prosperidade que daí advir[iam] para o comércio do norte de Portugal”.
Como pouco depois se veio a reconhecer, o preço da construção da linha estava muito inflacionado e dele terão resultado prejuízos para o Estado e para os próprios bancos. Quem ficou verdadeiramente a ganhar foi o construtor da linha, nem mais nem menos, o financeiro Henry Burnay, acusado de acumular grandes lucros com uma entrada inicial de capital relativamente pequena. (…)
A “salamancada” parece também ter sido o início de uma crescente influência plutocrática na política portuguesa (…)

No Politeia (via Córtex Frontal), a abrir o apetite para o livro O Longo Curso – Estudos em Homenagem a José Medeiros Ferreira.

…e em 1892, com uma dívida pública pelos 90% e juros da dívida a açambarcar quase metade das receitas do Estado, Portugal declarou bancarrota.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s