Pieguices, feriados, Carnaval e o querido mês de Agosto

Muito alarido tem havido por causa da referência à pieguice no último discurso de Passos Coelho. A frase foi simplesmente «Devemos persistir, ser exigentes, não sermos piegas e ter pena dos alunos, coitadinhos, que sofrem tanto para aprender»[ref]. Nada de mais, integrado num daqueles discursos vácuos e batidos sobre a cultura de exigência que se ouvem há tantos anos e teimam em não mudar nada. Eram escusadas tantas deturpações e indignações.

O que mais me saltou à vista até foi isto:

«Passos Coelho lembrou que o país vive uma situação de “emergência nacional” e como foi “caricato” aquilo que aconteceu no ano passado, quando a troika estava em Portugal para negociar a assistência financeira: “Quem emprestava dinheiro trabalhava enquanto o país aproveitava os feriados e as pontes”.

É essa “primeira imagem negativa” que o primeiro-ministro diz tentar afastar diariamente.» – Jornal de Notícias 06/Fev/2012

O Jornal de Negócios explica:

«O primeiro-ministro referia-se aos feriados de 10 de Junho (sexta-feira) e de 13 de Junho (em Lisboa, numa segunda-feira) […]

“A troika trabalhava. O País aproveitava as pontes”, afirmou Passos Coelho, lamentando que o país esteja agora a discutir se “temos ou não tolerância de ponto no Carnaval”.» – Jornal de Negócios 6/Fev/2011

Tecnicamente o país não aproveitava as pontes; Lisboa aproveitava um feriado numa sexta seguido de um feriado numa segunda. [Errata: parece que afinal se referia à ponte dada antes da sexta-feira santa. Ó Negócios, assim não dá!]

Quanto ao resto é triste que seja esta a razão para o saque aos feriados. Lembremo-nos que a troika esteve em trabalhos entre 1 e 12 de Agosto para a primeira avaliação. Ainda enquanto “quem emprestava dinheiro trabalhava”, o primeiro-ministro do país devedor cumpria a sua tradicional quinzena de férias no Algarve entre 8 e 21 de Agosto. Talvez não tenha dado bom aspecto depois do que garantiu aos seus laboriosos credores:

«O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, garantiu hoje em Bruxelas que o novo Governo não terá férias, de modo a tomar nos próximos meses “o essencial das decisões” para a efetiva implementação do programa de ajuda a Portugal.

(…)

Passos Coelho, que falava após uma reunião com o presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, vincou que “o parlamento português durante este período não gozará de férias e o Governo não gozará de férias”, de modo a não se perder tempo na execução do programa negociado pelo anterior executivo com a chamada “troika”.» – Expresso 23/Jun/2011

Compreendo que Passos Coelho esteja chateado por ter perdido esta oportunidade de limpar a tal “imagem negativa” dos quatro dias de ócio sulista em Lisboa numa altura tão crítica. Mas a mim, que nem tirei férias em Agosto nem gozo o Santo António, não me venham roubar o 5 de Outubro e o 1 de Dezembro para sempre por causa disto.

São datas que merecem feriado, mais que o 10 de Junho e imensamente mais que o imbecil 8 de Dezembro do dia em que um Papa disse que os avós de Jesus não davam quecas (e nem vou entrar na separação entre Igreja e Estado que parece uma causa perdida). Se Passos Coelho acha ridículo que se discutam feriados, que compreenda também que é ridículo um governo com um défice real pelos 8% focar-se tanto neles.

«Já esta tarde Passos Coelho tinha justificado o fim da tolerância de ponto no Carnaval com o ano de emergência que Portugal está a viver. “Espero que os portugueses percebam que não estamos em tempo de falar de tradições”, referiu, acrescentando ser preciso distinguir entre “quem quer superar a crise” e “quem quer ficar agarrado às velhas tradições”.» – Jornal de Negócios 6/Fev/2011

O Carnaval pouco me importa, mas já me avisaram que vou ter tolerância. Trabalho numa pequena empresa, aparentemente “agarrada às velhas tradições”, que duplicou de tamanho durante a crise à conta dos seus 100% de exportações e do alto reconhecimento no seu nicho. Porque felizmente ainda há quem saiba distinguir entre cultura de exigência e pentelhos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s